O último show completo de George Harrison

Há 25 anos… dia 6 de abril de 1992.

“Quando subi no palco do Royal Albert Hall – foi inacreditável. A plateia estava tão feliz. Foi a mais incrível ovação. Foi como um amor recíproco!”

Na página oficial do Facebook, a recordação de uma noite especialíssima.

Uma noite de felicidade coletiva incontida. Uma noite de amor recíproco, como o próprio protagonista definiu na época. E que entraria para a História: foi seu último show completo.

No mítico palco do Royal Albert Hall, George Harrison recebeu o gigantesco carinho da calorosa plateia, desesperadamente sedenta por vê-lo ao vivo. Não era pra menos. Afinal, ele não era muito de se exibir por aí, né!

Foram apenas duas turnês após a derradeira apresentação dos Beatles: uma em 1974, outra em 1991. Pra completar, ambas bem longe da Inglaterra! Imagine como os conterrâneos não estavam ávidos por um show dele! Dá pra compreender o frisson…

E o Quiet Beatle só saiu da toca por causa do lançamento do Natural Law Party, o partido político internacional com princípios arraigados na Meditação Transcedental (leia mais aqui) que ele ajudara a fundar.

Política à parte, George retribuiu o afeto do público com hits e muita generosidade. Como se compensasse os anos longe dos fãs nativos. “Muito obrigado a todos! É realmente absurdo tudo isso! Sei que sou um pouco paranoico se as pessoas gostam ou não de mim, não sei. De qualquer forma, obrigado. Muito obrigado!”, questionou, hesitante, para receber ainda mais afagos.

No set list, entre as músicas da época de Fab Four, destaques para “Here Comes the Sun” e “Something”, claro. Dos sucessos da carreira solo, brilharam a grudenta “Got My Mind Set on You” e as sublimes “My Sweet Lord” e Give Me Love”.

Teve Ringo na bateria em “While My Guitar Gently Weeps”, com solo do amigo Gary Moore, e a estreia do filhão Dhani na guitarra da música final, “Roll Over Beethoven”, de Chuck Berry, com participação especial de Joe Walsh, do Eagles.

Inesquecível.

George ainda faria algumas aparições públicas antes de partir, em 2001, como no tributo aos 30 anos de carreira do amigo Bob Dylan, em outubro daquele mesmo ano.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

O show completo:

Fontes e +MAIS:

– setlist.fm

– revolver-beatles-fanzine.blogspot.com.br

– retronewser.com

– thebeatlesrarity.com

– guitarworld.com

– norwegianwood.org

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s