Vinicius, Lyra e a astrologia

vina_100

Como o parceiro que mais compreendeu a tristeza em Vinicius, Carlinhos Lyra procurou encontrar explicações para o permanente estado de melancolia do poeta.

No livro de José Castello, há uma bonita passagem que expressa a preocupação do parceirinho com Vinicius:

Carlos Lyra também é, já a essa época, astrólogo. Um dia, convence Vinicius a se submeter a seu mapa astral. A leitura atenta do mapa indica: ele é um libriano autêntico. Isto é, um homem regido pela melancolia. O mapa astral feito por Lyra faz duas indicações: melancolia e poesia. Tenta explicar ao poeta: “Essa tua tristeza não é igual à tristeza da velha-guarda, quer dizer, a fossa. É uma tristeza ancestral”. Vinicius o ouve atentamente. Prossegue: “A fossa tem relação com algo concreto: uma mulher que você perdeu, uma derrota. A melancolia, não, ela é vaga. Ela é a soma da tristeza com a esperança”.

Vinicius de Moraes foi a soma da tristeza com a esperança.

Lyra e Vinicius, com Aloysio de Oliveira e Nara Leão
Lyra e Vinicius, com Aloysio de Oliveira e Nara Leão

Fontes:

– Biografia Vinicius de Moraes – O poeta da paixão, de José Castello

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s