Gerrie Coetzee é o primeiro campeão africano no boxe

Há 30 anos… dia 23 de setembro de 1983.

23set13

Nem a interrupção da feroz sequência de golpes feita pelo juiz Tony Perez parou o sul-africano Gerrie Coetzee. Na retomada do embate, ele desferiu mais alguns socos até o cruzado de direita fatal, que levou o campeão Michael Dokes à lona, a poucos segundos do final do 10º round.

Da lona o americano não saiu.

Gerrie Coetzee se tornava, assim, o primeiro campeão de boxe nascido no continente africano.

Após duas tentativas fracassadas de conseguir o cinturão dos pesos-pesados da Associação Mundial de Boxe (WBA, na sigla em inglês), Coetzee se consagrava com todos os méritos. Dominou a luta toda e encurralou o campeão nas cordas antes do desfecho final.

O poderoso golpe deixou uma lembrança para o novo campeão: uma placa de metal. O soco teve tamanha força que quebrou a mão direita do sul-africano. Cinco dias depois, ele passou por cirurgia em Nova York e, além do cinturão, levou outra recordação da gloriosa noite de 23 de setembro de 1983.

O caminho até a vitória foi longo.

Natural de Boksburg, África do Sul, Gerhardus Christian Coetzee começou a carreira profissional do boxe em 1974. Depois da primeira vitória, somou a incrível marca de 22 triunfos seguidos antes de lutar pela primeira vez pelo título de campeão dos pesados pela Associação Mundial de Boxe.

O embate entre o branco africâner Coetzee e o negro americano John Tate mexeu com os ânimos em uma África do Sul mergulhada no apartheid. Em 20 de outubro de 1979, negros puderam entrar no estádio Loftus Versfeld, em Pretória, para ver o duelo. Mais de 80 mil pessoas estiveram presentes para ver Tate vencer Coetzee por pontos, depois de 15 assaltos.

Um ano depois, em 25 de outubro de 1980, o sul-africano subiu ao ringue para desafiar o campeão Mike Weaver, novamente em casa. Coetzee dominou os primeiros rounds da luta, mas sucumbiu com um contragolpe de direita do americano, no 13º assalto. Era a sua primeira derrota.

Pouco menos de três anos depois, quis o destino que Coetzee finalmente conquistasse o cinturão, mas fora de sua casa. Aliás, na casa do adversário. O histórico nocaute em cima de Michael Dokes aconteceu no Richfield Coliseum, na cidade de Richfield, bem próxima a Akron, onde nasceu Dokes, ambas no estado de Ohio.

Gerrie Coetzee permaneceu pouco tempo com o cinturão. Na primeira defesa de título, em dezembro de 1984, foi derrotado pelo americano Greg Page, em polêmico combate em Rustemburgo, na África do Sul.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

Veja a luta entre Gerrie Coetzee e Michael Dokes na íntegra:

Fontes:

– gerriecoetzee.co.za

– Wikipedia

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s