A explosão do The Who na TV americana

Há 50 anos… dia 17 de setembro de 1967.

Quem lê o título do post, pensa: “Deve ser metáfora, né? É ‘explosão’ no sentido figurado, com certeza!”.

Bem, quando o assunto é The Who – ou, mais especificamente, Keith Moon! -, as coisas não são como imaginamos.

Cinquenta anos atrás, os britânicos, de fato, explodiram na TV americana. Foi no The Smothers Brothers Comedy Hour, espécie de Saturday Night Live da época.

Tudo corria como o previsto.

Depois de apresentarem “I Can See For Miles”, que seria lançada como single nos EUA no dia seguinte (e se tornaria o maior hit deles na Terra do Tio Sam), o quarteto performava o já conhecido grand finale de “My Generation”.

Roger Daltrey rodava o microfone, com um prato de bateria na mão; Pete Townshend solava e agredia a guitarra, com golpes no amplificador e no chão; Keith Moon em transe, já de pé, surrava e chutava os vários itens de seu instrumento; e John Enwistle… Bem, o pacato John apenas olhava tudo, na paz, salvaguardando o seu precioso baixo!

Então, quando a plateia já aplaudia a banda, que estava semicoberta com a tradicional fumaça que Moon colocava em sua bateria, uma explosão: BUM!!! Um forte estrondo e um clarão atrás dos amplificadores assustaram todos (até John Enwistle!).

Tudo culpa de Moon. Insatisfeito com o desfecho pirotécnico de nos ensaios para a apresentação, ele não só convenceu o responsável da produção a colocar mais explosivos, como botou uma cota extra no aparato!

O resultado é o que se vê no gif acima – e nos vídeos abaixo.

E as consequências foram sentidas na pele. Moon teve ferimentos leves nas pernas, por causa de pedaços da bateria que voaram. Townshend queimou os cabelos com as chamas e ainda ficou com a audição prejudicada, um dano sem volta.

Nos bastidores, a explosão fez ainda mais uma vítima. Uma das convidadas daquela noite, a atriz Bette Davis levou tamanho susto que caiu dura. Desmaiou e passou mal!

O curioso é que naquele mesmo 17 de setembro de 1967 uma outra banda também causaria burburinho ao vivo e em cores para a América. Jim Morrison e os Doors desafiaram ordem de censura da produção de Ed Sullivan, que pediu alteração na letra de “Light My Fire”. Foi a primeira e única apresentação deles no lendário no programa.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

“My Generation” e a explosão:

Mais imagens da explosão:

Fontes e +MAIS:

– rollingstone.com

– imdb.com

– movethatjukebox.com

– newrepublic.com

– movethatjukebox.com

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s