La Coruña protagoniza El Centenariazo no Santiago Bernabéu

Há 15 anos… dia 6 de março de 2002.

“Até a gente achava que o Real Madrid ia ganhar, pô!”, brinca Djalminha, com o ex-companheiro de time, Mauro Silva, no ótimo Resenha, da ESPN Brasil, ao rememorar aquele histórico 6 de março de 2002 – vídeo aqui.

O dia em que o Deportivo La Coruña estragou a festa de 100 anos do Real Madrid, e em pleno Santiago Bernabéu! O dia de El Centenariazo, como ficou conhecida a final da Copa do Rei da temporada 2001/2002.

Sergio e Tristán foram os algozes, os autores dos dois gols da vitória por 2 a 1 (Raúl descontou para os merengues), mas há que se destacar o volante brasileiro. Naquela noite, nada passou por Mauro Silva. O craque dos anfitriões, Zinedine Zidane, mal apareceu, graças ao trabalho do meio-campista, um verdadeiro “polvo” em campo, como diz Sorín no Resenha.

“El Depor aguo el centenário al Real Madrid”, escreveu o Marca, acima da manchete “Gallego Y Rey” e da foto do capitão Fran recebendo a taça do Rei Juan Carlos.

“A festa do Real Madrid estava pronta. Só não combinaram com o Deportivo”, destacou o caderno de Esportes do Estadão, no dia seguinte ao segundo título de Copa do Rei da História do La Coruña (em duas finais disputadas).

Sobre festa, aliás, Djalminha lembra de sua reação quando o amigo e adversário Flávio Conceição, que havia atuado no La Coruña entre 1996 e 2000, o convidou para as comemorações do centenário do Real Madrid. Isso minutos antes da entrada em campo!

Pois a celebração foi toda azul e branca. O Bernabéu parecia até o Riazor, tamanha a quantidade de torcedores do Deportivo nas arquibancadas da casa madridista. “Tava meio a meio”, lembra Djalminha, que acabou entrando no finalzinho do jogo.

Cinco meses depois, o La Coruña viveria, talvez, sua última glória, ao conquistar a Supercopa da Espanha com goleada de 4 a 0 sobre o Valencia, então campeão espanhol, sob aplausos de quase 30 mil pessoas no Riazor.

Ao Real Madrid “restou” o título da Liga dos Campeões, com aquele chutaço histórico de Zidane.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

Gols, melhores momentos e festa da taça:

A atuação de Mauro Silva:

Fontes e +MAIS:

– marca.com

– trivela.uol.com.br

– Wikipedia

– Wikipedia(espanhol)

– blogs.atribuna.com.br

– medium.com

– Acervo Folha

– Acervo Estadão

– futbol.as.com

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s