Série Batman estreia na TV americana

Há 50 anos… dia 12 de janeiro de 1966.

Série Batman estreia na TV americana

Um clássico.

Copiado, reinventado, reciclado, repetido e ainda satirizado (alô, pessoal do Porta dos Fundos!).

O visual Pop Art, à Andy Warhol e Roy Lichtenstein, de grafismos inesquecíveis nas onomatopeias de luta (“POW!”, “BAM!”, “ZONK!”…) e de extravagantes e coloridas roupas de heróis e vilões.

A linguagem narrativa, cópia das séries e filmes americanos dos anos 1940, de clima misterioso e bombástico.

As imortais expressões de Robin, sempre levando a palavra “Holy” na frente (“Santa Fumaça, Batman!”), e os inventivos gadgets do homem-morcego, nomeadas com o “criativo” prefixo Bat.

Por esses e outros motivos, Batman, a série de TV, dificilmente perderá o status cult que alcançou.

É assim agora, aos 50 anos, e será assim em mais 5 décadas, quando comemorará o centenário.

Um dos principais méritos de Batman foi tirar o homem-morcego do limbo em que ele se encontrava à época. Sim, no início dos anos 1960, a América havia se esquecido do personagem dos quadrinhos criado por Bill Finger e Bob Kane em 1939.

Diz a lenda que os heróis preferidos das crianças americanas em meados da década de 1960 eram Super-Homem e, pasmem, Dick Tracy! Batman estava apenas no terceiro posto entre a juventude dos Estados Unidos. Santa Trairagem, America!

A rede ABC, então, teve de se conformar em produzir a série baseada no homem-morcego. Porém, o entusiasmo de William Dozier com o personagem ajudaria e muito a transformar o seriado em um grande sucesso.

Dozier foi escolhido o produtor de Batman e surpreenderia a todos com algo pop e cômico. Além dele, a sinergia entre a dupla Adam West e Burt Ward, nas peles do protagonista e do menino-prodígio, também foi fator fundamental para a série triunfar.

Foi sucesso imediato. Exibido duas vezes por semana, às quartas e quintas, Batman ficou entre os 10+ da televisão americana em 1965 e 1966. Logo nas primeiras semanas, 52% dos televisores ligados estavam assistindo à série!

O sucesso foi tanto que Dozier resolveu logo levar Batman e Robin para as telas do cinema. Em julho, lá estavam Ward e West estrelando “Batman – O filme”, que teve boa recepção da crítica e boa bilheteria.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

A abertura:

Trecho do episódio 1:

Fontes e +MAIS:

Wikipedia

Wikipédia

IMDb

– omelete.uol.com.br

– televisao.uol.com.br

– procrastination.com.br

– mentalfloss.com

– cnn.com

– smithsonianmag.com

– batman-news.com

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.