A resistência de Rosa Parks

Há 60 anos… dia 1º de dezembro de 1955.

“Fábulas nos dão lições de moral, certo? Elas contam coisas que deveríamos aprender, e é por isso que eu acredito que são tão perigosas.”

“A clássica história ou a clássica fábula é: Rosa Parks é a primeira a resistir no ônibus. Ela senta e é presa. É um ato isolado.”

“Rosa Parks já era uma ativista política duas décadas antes do ato de 1955. Ela já tinha sido retirada do ônibus outras vezes, tanto por esse quanto por outros motoristas. Ela já participara de inúmeros atos (como o protesto na morte de Emmet Till), em manifestações contra a segregação, e sabia o quê aconteceria se fosse presa.”

“A fábula faz dela uma pessoa mansa, calada, e limita sua participação, sua contribuição, somente àquele dia.”

O vídeo acima é bastante esclarecedor sobre aquele 1º de dezembro de 1955, sobre o movimento dos negros por direitos civis, contra a segregação e o racismo e, claro, sobre Rosa Louise McCauley Parks.

Jeanne Theoharis, professora de Ciências Políticas da Brooklyn College, joga luz sobre o famoso ato de resistência da costureira, contextualizando-o no movimento dos negros na época. Além disso, analisa as consequências e também propõe interpretação sobre como a mídia encapsulou e até diminuiu o movimento de maneira superficial e preconceituosa.

Nos links abaixo, há outros textos interessantes sobre aquele dia em Montgomery, Alabama.

Na contramão da análise de Jeanne, este escriba relembra rabiscos de próprio punho sobre Rosa Parks, na época de editor do site da Revista Brasileiros. Um pouco piegas e ingênuo, talvez. Mas um texto à altura da vida dessa mulher que tem lugar nos livros de História.

Ela partiu em 2005, sem poder ver Barack Obama na presidência.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

A resistência de Rosa Parks

Fontes e +MAIS:

Wikipedia

– folha.uol.com.br

washingtonpost.com

– vermelho.org.br

– cbc.ca

– theguardian.com

– thehenryford.org

– pt.euronews.com

– edition.cnn.com

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.