John Quincy Adams é eleito presidente dos EUA pela Câmara

 Há 190 anos… dia 9 de fevereiro de 1825.

John Quincy Adams é eleito presidente dos EUA pela Câmara

A única vez em quase 240 anos de História Americana que um presidente foi eleito pela Câmara dos Representantes.

Diz a 12ª Emenda da Constituição:

“A pessoa que tiver o maior número de votos para presidente deve ser o presidente, se o número representar a maioria do total de eleitores nomeados; e se nenhuma pessoa tiver a maioria, então os três que obtiverem mais votos devem ser submetidos à eleição na Câmara dos Representantes, que escolherá imediatamente, por votação, o presidente. A votação deve ser por estado, sendo que cada estado tem um voto; o quórum para este fim será composto por um membro ou membros de dois terços dos estados, e a presença da maioria de todos os estados deve ser necessária para a escolha.”

Quatro postulantes se apresentaram para o pleito de 1824, que elegeria o 6º presidente dos Estados Unidos: John Quincy Adams, Andrew Jackson, William H. Crawford e Henry Clay.

Filho de John Adams, segundo presidente do país, Quincy Adams fora Secretário de Estado de James Monroe e responsável pela “Doutrina Monroe”.

Andrew Jackson era um herói de guerra e senador pelo estado do Tennessee.

Eles eram os principais concorrentes.

William H. Crawford, ex-embaixador dos EUA na França e ex-senador pela Geórgia, e Henry Clay, porta-voz da Câmara, corriam por fora.

O resultado, divulgado em 1º de dezembro, foi o seguinte: Andrew Jackson teve 99 votos do Colégio Eleitoral, John Quincy Adams ficou com 84, William H. Crawford amealhou 41 e Henry Clay recebeu 37.

Ninguém, portanto, atingiu os 131 dos 261 necessários para a vitória. Jackson, Adams e Crawford iriam para a disputa na Câmara.

Quem teve papel fundamental na nova eleição foi Clay, muito influente dentro da Câmara. Por nutrir ódio de Jackson, se aliou à Adams. Com uma condição, porém: se Adams chegasse à presidência, ele, Clay, seria o novo Secretário de Estado.

Em 9 de fevereiro de 1825, a Câmara dos Representantes apontou John Quincy Adams o novo presidente dos Estados Unidos. Empossado em 4 de março, logo nomeou Clay Secretário de Estado, no que ficou conhecida como “Corrupt Bargain” (“Barganha Corrupta”, na tradução livre).

Do primeiro ao último dia de Adams na Casa Branca, Andrew Jackson fez intensa e implacável oposição.

Em 1824, eles se reencontraram nas urnas, dessa vez com final feliz para Jackson.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

Um ótimo resumo das eleições de 1824:

Fontes:

Wikipedia

Wikipédia

history.com

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.