Sem Maradona, Argentina se curva à Romênia de Hagi

Dia 3 de julho – Oitavas de final 

logo94

Sem Maradona, Argentina se curva ao talento de Hagi

Óculos escuros, camiseta estampada, bermuda azul. Acompanhado da mulher, Claudia, um abatido Maradona comentou a despedida da Argentina pelo Canal 13, o mesmo a que concedera a primeira entrevista após a confirmação do doping.

Diego jogou junto, vibrou com os gols de Batistuta e Balbo e torceu pelo seu substituto, o jovem Ortega, então com 20 anos. Não adiantou. Das tribunas do Rose Bowl, em Los Angeles, o 10 era inútil. Um Deus impotente.

A derrota por 3 a 2 para a Romênia foi o ponto final da seleção argentina na Copa dos Estados Unidos. Liderados por um outro 10, o maestro Gheorghe Hagi – o Maradona dos Cárpatos –, e um camisa 11 iluminado, Dumitrescu, os romenos mataram o jogo em contra-ataques, com um futebol bonito e eficiente, de toques precisos e envolventes.

O triunfo começou com gol de Dumitrescu, aos 11 minutos. Em falta pela esquerda do ataque, o destro camisa 11 encobriu Islas e colocou a bola no ângulo. De propósito ou não, Dumitrescu abriu o placar em LA.

Aguerrida, a Argentina não se entregou e empatou cinco minutos depois, em pênalti duvidoso em cima de Batistuta. O próprio camisa 9 cobrou com categoria, marcou seu quarto e último gol no mundial e deixou tudo igual.

Dois minutos depois, aos 18, em trama rápida entre Hagi e Dumitrescu, a Romênia se colocou novamente à frente no marcador. Passe milimétrico do 10, toque preciso do 11 para o fundo do gol argentino. Golaço.

Na segunda etapa, a Argentina se lançou com tudo à frente e deixou muitos espaços. O contragolpe romeno foi fatal. Dumitrescu arrancou, deixou alguns Hermanos no caminho e passou com açúcar e afeto para Hagi. Na entrada da área, pela direita, o 10 tocou com o “pé ruim” e deu o tiro de misericórdia no jogo.

Balbo ainda diminuiu, aos 30, o que gerou uma certa pressão argentina pelo empate. Em vão. A Romênia suportou o ímpeto adversário e avançou para as quartas de final.

Após a vitória, Hagi afirmou: “O futebol será menos belo sem Maradona”.

Liderando a equipe, o 10 romeno escrevia bonita história nos EUA. História que, infelizmente, teria o último capítulo em breve…

Os lances e os gols de Romênia 3 x 2 Argentina:

Fontes:

– fifa.com

– Wikipedia

– Acervo Folha

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.