Estados Unidos toma posse do Alasca

Há 150 anos… dia 18 de outubro de 1867.

US$ 7,2 milhões. Ou R$ 23 milhões.

Esse foi o cheque que a Rússia recebeu dos Estados Unidos pelo território do Alasca, em março de 1867. Nos valores de hoje, US$ 125 milhões – ou quase R$ 396 milhões!

Valor tão colossal quanto a extensão da área: 1.717.856 km², hoje o maior estado da América, com sobras.

Alguns meses depois da compra, assinada pelo presidente Andrew Johnson, a gigantesca porção de terra trocou oficialmente de mãos.

Em 18 de outubro, a bandeira russa foi retirada para o hasteamento do pavilhão americano. Uma cerimônia realizada no então vilarejo de Sitka, hoje com uma população estimada em menos de 10 mil habitantes.

Solenidade grandiosa, com direito a parada de soldados russos e americanos, tiros de canhão e ritual de transferência entre oficiais das duas nações.

“General Rousseau, por autoridade de Sua Majestade, o Imperador da Rússia, eu transfiro para os Estados Unidos o território do Alasca”, sentenciou o Capitão Aleksei Alekseyevich Peshchurov, em direção a Lovell Rousseau, que prontamente assentiu.

O Alasca se tornaria oficialmente membro da União – precisamente o 49º estado americano – apenas em janeiro de 1959.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

A posse americana do Alasca:

Fontes e +MAIS:

– alaska150.com

– Wikipedia

– Wikipédia

– seuhistory.com

– history.state.gov

– timeanddate.com

– newsminer.com

– nytimes.com

 

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s