Jerry Lee Lewis grava “Great Balls of Fire”

Há 60 anos… dia 8 de outubro de 1957.

Setenta dias após a bombástica performance no Steve Allen Show, a gravação do maior hit.

Em 8 de outubro de 1957, Jerry Lee Lewis entrou nos estúdios da Sun Records, em Memphis, e registrou “Great Balls of Fire”. Bem, não foi tão simples e fácil assim. Custou muita saliva do chefão da gravadora, Sam Phillips.

Pois quando se deparou com a composição de Jack Hammer e Otis Blackwell – autor, entre outras, de “Don’t Be Cruel”, “All Shook Up” e “Return to Sender”, de Elvis -, Lewis se recusou a gravá-la.

Para o menino de 22 anos recém-feitos em 29 de setembro, criado em um lar extremamente religioso na Louisiana, aquilo era blasfêmia. Coisa do capeta. Referia-se, claro, às insinuações sexuais da letra, como, por exemplo, “I want to love you like a lover should”.

Apesar de ter se projetado com “Whole Lotta Shakin’ Goin’ On”, outra canção cheia de metáforas quentes e sugestivas, pra dizer o mínimo, o pianista não arredava pé. Só foi convencido, diz a lenda, depois de algumas doses de Bourbon!

Amaciado pelo álcool e acompanhado pelo baixo de Sidney Stokes (e a bateria de um músico desconhecido), Lewis sentou-se ao piano e eternizou o que seria a marca registrada da sua vida.

Lançado em 11 de novembro, o single com “You Win Again” no lado B vendeu simplesmente 1 milhão de cópias em 10 dias nos Estados Unidos! Um sucesso estratosférico.

Na Inglaterra, “Great Balls of Fire” chegou às lojas no mesmo mês do controverso casamento de Lewis com Myra Gale Brown, de apenas 13 anos. À época na crista da onda na Terra da Rainha, liderando turnê ao lado de Buddy Holly e Chuck Berry, caiu em desgraça quando a notícia chegou ao conhecimento do público britânico.

A derrocada do outro lado do Atlântico reverberou em casa, onde Lewis passou a ser banido de rádios e programas na TV, iniciando duro caminho rumo ao ostracismo e ao vício em álcool e drogas.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

“Great Balls of Fire”:

Fontes e +MAIS:

– Wikipedia

– songfacts.com

– allmusic.com

– npr.org

– rollingstone.com

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s