Sex Pistols lança o single “Anarchy in the U.K.”

Há 40 anos… dia 26 de novembro de 1976.

Sex Pistols lança o single "Anarchy in the U.K."

“Este outono marca o 40º aniversário de um dos episódios mais turbulentos e humilhantes da história econômica do Reino Unido. Em setembro de 1976, Denis Healey, chanceler do Tesouro no governo liderado por James Callaghan, disse a seus colegas do gabinete que o Reino Unido precisaria se aproximar do Fundo Monetário Internacional (FMI) para um empréstimo. 

A libra caiu drasticamente – perdendo um terço do seu valor entre a primavera de 1975 e setembro de 1976. O Reino Unido estava ficando sem reservas cambiais. Os empréstimos do governo e o déficit da balança de pagamentos estavam em níveis extremamente altos. As greves eram comuns. ‘Anarchy in the U.K. – o hino punk gravado pelos Sex Pistols no final de 1976 – resumiu bem a situação”.

Em artigo publicado no Telegraph em setembro, o renomadíssimo economista britânico Andrew Sentance faz ponte temporal ligando a atual situação do Reino Unido com o contexto de quatro décadas atrás.

Bom, não vou me arvorar a analisar o texto – deixo essa parte a quem entende. Inegável, porém, admitir a felicidade e a propriedade da analogia do economista.

Mais feliz ainda é a lembrança da “trilha sonora” daqueles tempos. Porque se ainda não há música que sintetize o hoje no Reino Unido (seria “Hello”, de Adele?), lá atrás “o hino punk gravado pelos Sex Pistols no final de 1976 resumiu bem a situação”, como escreveu Sentance.

Pois o hino composto por Johnny Rotten, Steve Jones, Glen Matlock e Paul Cook celebra 40 anos de lançamento neste 23 de novembro. Gravada em 17 de outubro, “Anarchy in the U.K.” foi o pontapé inicial do Sex Pistols. Melhor dizendo: foi o pé na porta do Sex Pistols!

“’Anarchy in the UK’ soou como nada que tinha aparecido antes e apresentou os Pistols para um público mais amplo. Um público provavelmente mais acostumado com bandinhas de hits, como Showaddywaddy e Abba! As coisas nunca mais seriam as mesmas”, escreve o site oficial da banda.

Mesmo banida das rádios e mal recebida pela crítica – por motivos óbvios -, a música alcançou o 38º posto nas paradas do Reino Unido.

Hoje, quatro décadas depois, é reverenciada como canção-chave na História do rock e, claro, do punk. Ficou em 56º lugar na lista das “500 Maiores de Todos os Tempos”, da Rolling Stone, e incluída entre as “500 Músicas que Moldaram o Rock and Roll”, do Rock and Roll Hall of Fame.

A história sobre como o single causou a ruptura com a EMI e o lançamento do primeiro disco dos Pistols fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

P.S.1: clica nos links para ler mais sobre “Anarchy in the U.K.”.

P.S.2: Q.E.P.D., comandante!

“Anarchy in the U.K.”, no vinil:

Vídeo oficial:

Fontes e +MAIS:

– Wikpedia

– Wikipédia

– sexpistolsofficial.com

– bbc.co.uk

– theglobeandmail.com

– walesonline.co.uk

– firstpost.com

– repubblica.it

– abc.es

– jardimecletico.com.br

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s