Nintendo 64 é lançado no Japão

Há 20 anos… dia 23 de junho de 1996.

23jun16

“Lembra dos bons e velhos cartuchos? Se você ainda não se sente velho, eis um fato para te ajudar a chegar lá: o Nintendo 64 está celebrando o 20º aniversário.”

Pois é, caro Don Reisinger, duas décadas! Em ótimo texto no site da Fortune, o jornalista relembra o último console a se utilizar do famigerado cartucho. Uma aposta conservadora – e, ao fim, terrível – para a Nintendo. Mas depois falamos sobre isso…

Vinte anos atrás, a empresa japonesa lançou o N64 na Terra do Sol Nascente. O número 64 remete a unidade processadora de sessenta e quatro bits, o cérebro do videogame, que chegaria aos EUA em setembro de 1996. Depois, viriam (parte da) Europa e Austrália (março de 1997), França (setembro de 1997) e, finalmente, Brasil (dezembro de 1997).

O grande pulo do gato do N64, e algo inédito no mundo dos games, foi proporcionar ao usuário uma experiência real em 3D. O símbolo e carro-chefe da inovação é, sem dúvida, o Super Mario 64. Lembra que ele vinha já na caixa do console, de “brinde”?

Outro hit do Nintendo 64 foi o viciante Goldeneye 007, o popular zero-zero-sete. O texto da techtudo explica:

“É quase impossível mostrar para uma nova geração o que Goldeneye 007 simbolizou na época em que foi lançado. O gênero de tiro em primeira pessoa não tinha muito espaço nos consoles. Além disso, jogos baseados em filmes não costumam dar muito certo até hoje. Mas para a surpresa de todos, a Rare transformou todos esses problemas em um jogo que se tornou um verdadeiro clássico.”

Sem esquecer do modo multiplayer, acrescenta o portal. Bem lembrado! Eram horas e horas de tiros, perseguições e adrenalina…

Não dá pra deixar de falar do genial Mario Kart, que certamente mora no coração de todo e qualquer gamer mundo afora, do Zelda, do NBA Hangtime, do Doom, do Mortal Kombat 4, entre tantos outros…

O Nintendo 64 teve ótima recepção inicial e conseguiu competir com o PlayStation, da Sony, por algum tempo. Mas o que matou as pretensões do console foi, exatamente, a marca registrada dele e da própria Nintendo: o bom e velho console.

Com custo de produção alto, ele ficou pra trás em relação ao CD, muito mais barato e simples de ser produzido (e pirateado!). Aos poucos, apesar do sucesso por bom tempo, o N64 perdeu terreno e acabou descontinuado em 2002 no Japão e no ano seguinte nos EUA – e também por aqui.

Nesse tempo, foram 33 milhões de unidades vendidas, número baixíssimo em comparação ao PS (quase 103 milhões) ou até em relação aos próprios antecessores da Nintendo (62 milhões do Nintendinho ou 49 milhões do Super Nintendo).

A Nintendo só conseguiria recuperar o espaço ocupado pelo PlayStation com o Wii, lançado em 2006.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

Comercial do N64:

Fontes e +MAIS:

Wikipedia

Wikipédia

– nintendo.wikia.com

– papodehomem.com.br

– techtudo.com.br(1)

– techtudo.com.br(2)

venturebeat.com

fortune.com

eurogamer.net

Anúncios

2 comentários sobre “Nintendo 64 é lançado no Japão

  1. Boa tarde.

    Sou estudante de jornalista e estou profundamente admirado com a intenção de seu blog. Fico muito contente pela exploração de uma proposta como essa estar sendo feita de maneira tão genuína e criativa.

    Minhas congratulações!

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s