São Paulo aplica a maior goleada da História do Morumbi

Há 15 anos… dia 28 de março de 2001.

10 x 0.

Pobre Botafogo da Paraíba…

Na noite de 28 de março de 2001, o Botinha de João Pessoa foi o sparring perfeito. Apanhou sem esboçar reação. Tomou 10 gols, não marcou nenhum. Uma pancada doída de despedida da Copa do Brasil.

“Perder por esse placar é para o Íbis. Não aguento mais, a nossa equipe é muito fraca”, desabafou o lateral Freitas, após a partida de volta, válida pela 1ª fase da competição nacional.

O prêmio de consolação para o alvinegro da estrela vermelha acabou sendo o nome cravado na História de um dos maiores estádios do Brasil e do Mundo.

Naquela noite, o Cícero Pompeu de Toledo – por muito tempo, o maior estádio particular do mundo -, abrigou a sua maior goleada. Por consequência, o maior placar do São Paulo Futebol Clube dentro de sua casa.

O time comandado por Vadão, que já tinha vencido o jogo no Almeidão por 1 a 0 (gol de Júlio Baptista), não teve nenhuma dificuldade para passar o trator por cima do frágil adversário liderado por Ademir Müller.

Luis Fabiano abriu o placar, aos 12, França fez mais dois, aos 16 e aos 18, e Luis Fabiano fechou a conta do primeiro tempo em 4 a 0, aos 31. Na etapa final, França fez mais um, a 1 minuto, Júlio Baptista anotou aos 20, Gustavo Nery aos 24, Kaká fez o seu, aos 34, Júlio Baptista guardou de novo, aos 39, e Fabiano Souza passou a régua, marcando o 10º aos 44.

São Paulo 10 x 0 Botafogo-PB.

O hat-trick fez França alcançar Raí na tabela de artilheiros do Clube da Fé: 128 gols cada um. Hoje, o já aposentado atacante está em quinto lugar na História tricolor, com 182 tentos, atrás de Serginho Chulapa, Gino Orlando, Luis Fabiano e Teixeirinha. Raí é o 11º, atrás de Rogério Ceni (131!).

Ah, dois detalhes relevantes daquele 28 de março de 2001: menos de duas mil pessoas estiveram presentes para assistir ao duelo.

Talvez por causa do desgosto em ver, mais cedo, a seleção brasileira comandada por Leão – com os são-paulinos Rogério Ceni e Belletti entre os titulares – perder pela primeira vez na História para o Equador, em partida das eliminatórias da Copa do Mundo de 2002.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

Os gols de São Paulo 10 x 0 Botafogo-PB:

Fontes e +MAIS:

– Acervo Folha

– Almanaque do São Paulo, de Alexandre da Costa

– saopaulofc.net

– futpedia.globo.com

– baudosaopaulo.blogspot.com.br

– futebolemnumeros.ig.com.br

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s