Morre a cantora Tammi Terrell

Há 45 anos… dia 16 de março de 1970.

Morre a cantora Tammi Terrell

Thomasina Winifred Montgomery assinou contrato com a prestigiada Motown no dia de seu 20º aniversário, em 29 de abril de 1965.

Menos de cinco anos depois, a doce menina da Philadelphia partiu, levada por um câncer no cérebro.

Uma trágica e linda trajetória que já deveria ter virado filme.

Ao lado do monstro Marvin Gaye, Tammi Terrell foi responsável por alguns dos maiores hits da história da gravadora, do R&B e da música.

“Ain’t No Mountain High Enough” foi, indiscutivelmente, o maior. Até hoje, levanta pistas e embala festas mundo afora. É tiro e queda. Que dueto! Que música!

Quando assinou com a Motown, a menina da Pensilvânia já tinha estrada de respeito no mundo da música. Apesar da pouca idade, gravara algumas músicas pela Scepter Records, sob o nome Tammy Montgomery, e fizera parte da banda de ninguém menos que James Brown, com quem, aliás, teve affair conturbado e meio violento.

O talento vocal de Tammy chamou a atenção de Berry Gordy, chefão da Motown, que viu show da jovem cantora em Detroit. Gordy não perdeu tempo e assinou contrato, mas com uma condição: que ela mudasse o nome.

Nenhuma novidade pra quem seria um menino chamado Thomas. Daí vem seu nome, uma adaptação feminina meio incomum. De pronto, aceitou a sugestão do chefe e se tornou Tammi Terrell. Mais curto, mais fácil de guardar.

Na Motown, a menina decolou rápido. Gravou alguns singles de sucesso e conheceu David Ruffin, dos Temptations, com quem viveria tórrido e conflituoso romance.

A explosão musical de verdade, porém, estava por vir. Faltava um parceiro.

Marvin Gaye já tinha certo renome no R&B e dentro da Motown. Mas faltava alguma coisa para que ele, de fato, também decolasse.

Foi “amor à primeira vista”.

A partir do início de 1967, a dupla Gaye e Terrell emplacou inúmeros sucessos, a maioria do casal de compositores Ashford & Simpson. Além de “Ain’t No Mountain High Enough”, “Your Precious Love”, “Ain’t Nothing Like the Real Thing” e “You’re All I Need to Get By” são outras músicas marcantes.

Então, no fim do ano, durante show na Virgínia, Terrell colapsou no palco e caiu nos braços de Gaye.

O câncer no cérebro a levou em pouco mais de dois anos. Tinha 24 anos!

Marvin Gaye foi um dos únicos artistas da Motown presentes no funeral, com autorização e aprovação da mãe de Terrell. A morte da parceira teria efeito profundo no artista, que ficaria mais de dois sem se apresentar e sem gravar, deprimido e isolado.

O hiato de reclusão desaguaria no histórico What’s Going On (1971), álbum no qual, entre outras coisas, Gaye homenagearia Tami Terrell.

“A parceira musical perfeita”, como não se cansava de repetir.

Marvin Gaye canta o “Medley Tammi Terrell”:

“Ain’t No Mountain High Enough”:

“Ain’t No Mountain High Enough”, no ótimo filme “Medianeras”:

Fontes:

Wikipedia

history.com

allmusic.com

books.google.co.uk

classic.motown.com

culturocity.com

amoeba.com

Anúncios

Um comentário sobre “Morre a cantora Tammi Terrell

  1. Talvez a Morte desta cantora devesse ser investigada na época, já que o Monstro do James Brown bateu muitas vezes na cabeça dela resultando numa sequela cerebral, fato que a levou a Morte..

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s