Bachelet é eleita presidente do Chile pela 2ª vez

Há 1 ano… dia 15 de dezembro de 2013.

Bachelet é eleita presidente do Chile pela 2ª vez

“Chilenos elegem Bachelet em 2º turno com baixa participação do eleitorado”, dizia a manchete do caderno Internacional do Estadão, na edição de 16 de dezembro de 2013.

A segunda vitória da socialista Michelle Bachelet foi, também, a primeira eleição presidencial no Chile sem voto obrigatório. Um pleito marcado pela baixa presença dos votantes, tanto no primeiro como no segundo turno. Menos da metade do eleitorado exerceu o direito na primeira rodada (49,36%), marca ainda mais baixa na rodada decisiva (41,98%).

Presidente entre 2006 e 2010, Bachelet (Nova Maioria) se elegeu com 62,16% dos votos válidos contra 37,83% de Evelyn Matthei, da Aliança. Dessa forma, se tornou a primeira mulher chilena novamente eleita para o cargo máximo do país.

“Meu desejo mais honesto e profundo é que tudo vá bem para ela. Ninguém que ame o Chile pode desejar o contrário”, afirmou a candidata derrotada, da coligação de centro-direita.

Já a nova-velha presidente celebrou a vitória em frente ao hotel onde estava instalado o comitê de campanha, na capital Santiago.

“Obrigado por fazer desta cidadã, que é uma pessoa igual a vocês, uma presidente muito feliz!”, exclamou Bachelet, diante de uma multidão.

Sistema eleitoral, impostos e educação seriam os três desafios da nova gestão, que tomou posse em 11 de março de 2014. Hoje, um ano após a eleição, o governo de Bachelet enfrenta período difícil, com a aprovação mais baixa desde a sua volta a La Moneda.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

Em tempo, uma contribuição do amigo Felipe Menezes: “Vale destacar dois pontos interessantes. A baixa assistência na votação foi também influenciada pelo fato da Aliança ter trocado duas vezes de candidatos poucos meses antes das eleições, o que deixou a vitória mais “segura” para a Bachelet. E da baixa aprovação atual eu acho que tem bastante a ver com as atuais reformas tributárias que estão preparando o caminho para a reforma educacional. Sempre que se se mexe no bolso das pessoas, isso reflete de alguma forma.”

O comício da vitória, em Santiago:

Fontes:

– Wikipedia

– Acervo Estadão

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s