Estádio da Luz é inaugurado em Lisboa

Há 60 anos… dia 1º de dezembro de 1954.

Estádio da Luz é inaugurado em Lisboa

Podemos classificar o Estádio como um monumento erguido com a vontade de um povo! Após várias décadas sem casa própria, o maior e mais popular clube português conseguia, finalmente, um estádio à imagem da sua dimensão. 

Assim conta o texto no site oficial do Sport Lisboa e Benfica, sobre a sua nova casa, o Estádio da Luz, inaugurado há 60 anos.

Hoje, o lugar está no coração e na memória do benfiquista. A “Catedral” foi demolida e deu lugar a um novo e moderno estádio, aberto em 2003. Mas fica a história da velha Luz, palco de inúmeras glórias dos encarnados, como dizem na terrinha d’álem mar…

A história do sonho da casa própria sempre existiu. Desde a fundação, em 1904, o Benfica vislumbrava erguer o seu estádio. O clube lisboeta teve seis casas diferentes, sempre longe de sua vizinhança, o bairro homônimo ao time.

Foi Joaquim Bogalho o homem que fez tudo acontecer, após anos e anos de inércia de administrações anteriores. Em 1952, assumiu a presidência com um objetivo: construir o estádio. É visto por muitos como o maior dirigente da centenária história do Benfica.

Quando chegou ao cargo máximo, o clube já tinha autorização e local para iniciar a construção desde 1946. Bogalho conclamou os sócios a doarem dinheiro, suor e trabalho para a realização do sonho. As obras começaram em 14 de junho de 1953.

Exatamente 535 dias depois, às 11 horas de 1º de dezembro de 1954, data da Restauração da Independência de Portugal, Bogalho abriu as portas do Estádio Sport Lisboa e Benfica, o Estádio da Luz.

A estreia não foi muito feliz para os encarnados: derrota para o rival Porto por 3 a 1 – uma vingança pela goleada do Benfica (8 a 2) na abertura do Estádio das Antas, pouco mais de dois anos antes, em maio de 1952. No segundo jogo, ainda parte das celebrações de inauguração, nova derrota, para o Real Madrid de Di Stéfano: 2 a 0.

Os reveses iniciais seriam apagados por um incrível e impressionante retrospecto ao longo de quase 50 anos. Em 1075 jogos realizados, o Benfica somou 846 vitórias, 167 empates e apenas 62 derrotas!

A década de 1960 seria gloriosa, com o bicampeonato da Liga dos Campeões (1960-61 e 1961-62), no célebre time comandado pelo húngaro Bela Guttmann fora de campo e pelo imortal Eusébio, o “Pantera Negra”, dentro do relvado.

O benfiquista se despediria da velha Luz em 22 de março de 2003, em jogo com a presença de 50 mil pessoas, pela 26ª rodada do Campeonato Português. Uma vitória por 1 a 0 diante do Santa Clara, com gol de pênalti de Simão Sabrosa.

O novo Estádio da Luz seria inaugurado pouco tempo depois, em 25 de outubro de 2003.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

Fontes:

slbenfica.pt

Wikipédia

stadiumguide.com

Anúncios

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.