Andrew Watson se torna o 1º negro a atuar por uma seleção

Há 135 anos… dia 12 de março de 1881.

Andrew Watson se torna o 1º negro a atuar por uma seleção

The Oval, Londres, 12 de março de 1881.

Onze anos depois de terem se colocado nos anais do futebol por causa da primeira partida entre seleções da História, Escócia e Inglaterra se encontravam novamente, no mesmo estádio. De novo, para fazer História.

História que respondia pelo nome Andrew Watson, zagueiro do escrete escocês. Há 135 anos, ele se tornou o primeiro jogador negro a envergar a camisa de uma seleção nacional. Não só isso: foi também o capitão e liderou o time na impiedosa goleada por 6 a 1 contra os rivais.

Quase um ano após chegar ao Queen’s Park FC, à época o maior clube da Inglaterra (não confundir com Queen’s Park Rangers), o filho de Peter Miller Watson, milionário barão do açúcar na Guiana, com a ex-escrava negra Anna (ou Hannah) Rose, Andrew Watson alcançava momento único na carreira.

Para tanto, contou com o apoio do rico pai, fato totalmente incomum em uma época de racismo imperante. Watson teve educação privilegiada, primeiro no tradicional King’s College de Londres, depois na Universidade de Glasgow. Mas, segundo historiadores, não houve contato próximo entre eles.

“Tudo o que tinha de ser assinado, devido à escola ou a educação, era feito geralmente por um intermediário. Então, ele foi reconhecido como sendo do sangue, mas havia uma certa distância”, afirma o curador do Museu do Futebol Escocês, Richard McBrearty, ao site da CNN (link abaixo).

A ligação com o futebol começaria em 1875, quando Watson tinha 19 anos. Pouco depois de iniciar a carreira no Maxwell e passar pelo Parkgrove, acertou com o Queen’s Park, para trilhar estrada vitoriosa. Lá, foi bicampeão da Copa da Escócia, se transformando no primeiro negro a conquistar um torneio oficial. Também atuou no Corinthian F.C. (inspiração do Corinthians brasileiro) e no Bootle, antes de se aposentar, em 1892.

A coroação total de sua história no futebol foi naquele 12 de março. Ele ainda vestiria a camisa da Escócia em outras duas partidas, duas novas goleadas: 5 a 1 (de novo!) na Inglaterra e mais um 5 a 1 no País de Gales.

Andrew Watson morreu em 1921, em Londres.

Mas essa história fica pra outro dia… Porque todo dia é histórico.

Documentário sobre Andrew Watson:

Fontes e +MAIS:

Wikipedia

– edition.cnn.com

– scottishfootballblog.co.uk

– scottishfootballmuseum.org.uk

– scottishsporthistory.com

– scotsman.com

– maisfutebol.iol.pt

– trivela.uol.com.br

Fala!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.